A Síndrome de BURNOUT
em professores do ensino regular:
pesquisa, reflexões e enfrentamento

Faça já o seu PEDIDO!

O conteúdo aborda a Síndrome de Burnout, tendo como foco os profissionais do magistério. Os seis capítulos do livro refletem, concomitantemente, um bem sucedido esforço de pesquisa, de reflexão e de replicação de conhecimentos que favorecem a humanização do posto de trabalho docente.

  

A idéia de produzir a presente obra teve origem na Dissertação de Mestrado: Índice de Burnout em Professores da Rede Publica de Ensino, de autoria de Gisele Cristine Tenório de M. Levy, orientada por Francisco de Paula Nunes Sobrinho, Professor Titular da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Programa de Pós Graduação em Burnout Educação.

O interesse dos autores, em cada capítulo do livro, foi seguir caminhos já trilhados por outros pesquisadores, com destaque para a escolha de modelos conceituais que orientem reflexões e ações de enfrentamento da Síndrome do Burnout.

No percurso da obra foram revisadas as técnicas de enfrentamento da síndrome e procedimentos associados a critérios de avaliação de sintomas, além da construção de instrumentos de medidas do índice de Burnout. O capítulo final é destinado, exclusivamente, aos professores e aponta sugestões para prevenir e enfrentar a Síndrome de Burnout.

Os autores expressam interesse na apropriação do conhecimento científico produzido sobre o tema, com vistas à proposição de políticas públicas orientadas para a melhoria das condições de trabalho docente.

Organizadores:

Gisele Cristine Tenório de Machado Levy; Bióloga pela Universidade Gama Filho, Psicóloga pela Universidade Estácio de Sá, Pós Graduada em Psicanálise pela Universidade Federal Fluminense, Mestre em Educação pela Universidade do Estado do Rio de janeiro (PROPED), Doutoranda em Políticas Públicas e Formação Humana pela Universidade do Estado do Rio de janeiro. Pesquisadora NUPI Núcleo Pedagogia Institucional da Faculdade de Educação da UERJ.

Francisco de Paula Nunes Sobrinho Ph.D. pela Vanderbilt University - Psicólogo pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - Ergonomista certificado pela Associação Brasileira de Ergonomia ABERGO/Conselheiro Científico - Professor Titular da Universidade do Estado do Rio de Janeiro - Programa de Pós-graduação em Políticas Publicas e Formação Humana (PPFH).

_________________________________________________________________

 

SUMÁRIO  
   
PREFÁCIO
7
Leila Regina d’Oliveira de Paula Nunes  

 
I. BURNOUT: UMA TÃO CONHECIDA DESCONHECIDA
SÍNDROME
9
Ana Maria T. Benevides-Pereira
 
   
II.FATORES CONTRIBUINTES PARA A SÍNDROME DE
BURNOUT
ENTRE PROFESSORES
29
Francisco de Paula Nunes Sobrinho  
   
III. A SÍNDROME DE BURNOUT EM PROFESSORES
DO ENSINO FUNDAMENTAL
53
Gisele Cristine Tenório de Machado Levy  

 
IV. BURNOUT EM ESTUDANTES DE MEDICINA:
UM DESAFIO PRÉ-PROFISSIONAL
73
Marcos Dórea
 
   
V. AVALIAÇÃO DE MEDIDAS DO BURNOUT:
POLÍTICAS PÚBLICAS DE SAÚDE DO PROFESSOR
 
98
Carlos Alberto Absalão de Souza  
   
VI. PROCEDIMENTOS E TÉCNICAS DE ENFRENTAMENTO
DA SÍNDROME DE BURNOUT ENTRE OS PROFESSORES
 
117
Lucia E. Novaes Malagris  
   
APÊNDICE:  
SUGESTÕES PARA O PROFESSOR PREVENIR
E ENFRENTAR A SÍNDROME DE BURNOUT
139
Lucia E. Novaes Malagris
e Gisele Cristine Tenório de Machado Levy.